Sobre o fim do terceirão

Minha vida de ensino médio acabou. Faltam alguns dias para liberarem o resultado do vestibular, pro qual eu estudei muito o ano todo. Lembrar do esforço é definitivamente a única parte ruim. O resto, já me dá saudade.

Todos dizem que vamos sentir falta dos professores, dos colegas, das aulas, dos problemas de aluno e de adolescente. Algumas coisas eu ainda não consigo me imaginar sentindo falta, por exemplo: o professor de química que tinha uma caligrafia maravilhosa mas me irritava por demorar muito pra falar; as broncas; o professor de matemática que saía fazendo cálculos e escrevendo no quadro sem nem olhar na cara dos alunos pra ver se a gente entendeu (e nunca entendíamos); tinha uns que cuspiam ou tinham um bafo muito ruim; os alunos chatos que falam coisas desnecessárias do nada; os professores que suavam muito; as brigas pelo que faríamos na formatura…

Mas outras, já me deixam com saudade, como: o bordão de cada professor: “sua apostila de química 4”, “piá peludo”, “bom senso”, “vocês estão bem?”, “não sei se eu fui claro”, “vamos começar o nosso baile”; o professor de matemática que falava um inglês forçado só para rirmos (e eu me matava de rir); as ameaças do professor de química; as festas de formatura; os macetes hilários “tem tango na Argentina mas tem tango no Brasil, humm pelo menos o tango da Argentina é um tango bom”; os alunos imitando os professores; as conversas entre as aulas; as fofocas; o JICLA; a velhinha que vendia doces na porta do cursinho;os cappuccinos; as músicas de literatura; eu poderia passar o dia todo listando tudo que me fará falta.

Eu agradeço por cada segundo desse ano. E gostaria de poder agradecer cada pessoa que participou dele, mas algumas eu nem sei o nome, outras não tenho como entrar em contato. Enquanto estudava, achava que ele estava sendo horrível, cansativo, penoso e muito tedioso. Agora vejo que tive vários momentos maravilhosos dentro e fora da sala de aula. Valorizei muito mais os de fora, é claro.

Não faria tudo de novo, mas fico feliz que tenha sido do jeito que foi. Foi bom, foi como o planejado e espero que tenha sido o suficiente pra alcançar todas as minhas metas. Feliz 2017 pra vocês!

Anúncios

Um comentário sobre “Sobre o fim do terceirão

  1. Bruna disse:

    A minha fase de terceiro ano foi um mix de adorar ir na escola e ver minha melhor amiga & odiar ir na escola e ter que aturar colegas babacas e gente barulhenta o tempo todo. O ano acabou, a festa foi maravilhosa e meses depois o contato praticamente morreu. Fazem 3 anos que eu me formei e tem colegas que eu nunca mais escutei algo sobre até agora. É triste, mas isso contribui muito para a nossa mudança. O que a gente ama permanece, então só resta a nós deixar uma certa motivação para tudo continuar como está.
    Te desejo sorte nessa nova fase, vai ser muito bom para ti!
    Beijo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s