Meus desejos

 2015 começou e se esses primeiros três dias me mostraram alguma coisa, foi que não adianta se rodear de pessoas se você não as ama. Acredito que todo o processo de um novo ano inicia-se antes mesmo do Natal. É quando ganhamos coisas novas, e pelo menos aqui em casa, nos desfazemos daquelas que não precisamos.
E nas últimas semanas só tenho estado com pessoas que me fazem sorrir, com as quais posso ser eu mesma e não preciso medir palavras em uma conversa ou o volume das minhas risadas. Então, se eu desejo alguma coisa para esse ano é que ele seja cheio de pessoas assim, e as outras não tão agradáveis e nem verdadeiras que se percam com o tempo.
Ano passado tudo o que eu queria era me apaixonar. Não apenas por alguém, mas pela vida, pelas coisas que eu faço todo dia, e até mesmo por mim. Os acontecimentos de todo 2014 fizeram com que eu realizasse totalmente o meu desejo, e ainda mais, percebesse que algumas pessoas e algumas coisas eu nunca gostei tanto assim. Eu relaxei, e aprendi a saber do que eu gosto.
Apenas desejo, como todos os outros anos eu também desejei, me organizar melhor. Estabelecer prioridades, para que no futuro eu não me arrependa de escolhas que fiz e consiga realizar até os meus sonhos mais impossíveis. E assim filtrar o que entra e o que sai da minha vida. Que venham as coisas boas, e que fiquem no passado as ruins. 2015 não me promete nada, mas a ele eu prometo inúmeras mudanças.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s